Sargento Pereira defende que PME regulamente que cada escola tenha um psicólogo para atender alunos

a

 

Em discurso nessa segunda-feira (1), o vereador Sargento Pereira Júnior (PSL) também repercutiu a audiência pública sobre o Plano Municipal de Educação (PME). Ele lembrou que um pedido seu serviu para esclarecer como funciona o sistema de cotas nos centros municipais de educação infantil (Cmeis).Pereira explicou que questionou a secretária municipal de Educação, Virgínia Melo, porque havia Cmei onde algumas vagas para alunos não entrava no sorteio. A partir disso, o vereador foi informado que nas creches conveniadas, parte das vagas é destinada para a instituição que atua junto com o Município. “Também solicitei informações sobre os critérios para que o gestor desse Cmei conveniado distribuísse essas vagas”, ressaltou Sargento Pereira. A partir desse pedido, Secretaria de Educação, levantou cada caso e deixou claro como são preenchidas as vagas que não entram no sorteio geral. O vereador disse que nesse momento de discussão do PME, é importante que seja regulamentado a cada unidade escolar a obrigatoriedade de se ter um psicólogo à disposição do corpo discente. “A meu ver, muitos problemas seriam resolvidos a partir da presença desse profissional na escola”, destacou Sargento Pereira Júnior.

Leave a Reply

Your email address will not be published.